II Festival de Poesia da Cidade de São Paulo - Poemas inscritos

Nunca sabemos sobre o outro (escuro alvorecer)

TÍTULO DO POEMA: Nunca sabemos sobre o outro (escuro alvorecer)
AUTOR DO POEMA: Fernando Graça
INTÉRPRETE: Fernando Graça

 

 

 

Nunca sabemos sobre o outro:
os nazistas liam Goethe, escutavam Wagner,
mas de dia horrorizavam Auschwitz.


Também assim eu diante do teu rosto
não sei que mistério outro
haverá em teu mais profundo centro
e nos teus segredos de dentro.


Eu mesmo me estranho diante do fortuito
espelhismo oferecido pela vida:
não sei se sou céu ou abismo
se sou chegada ou partida.


Não importa: sem nada conhecer
nos amamos sob o escuro alvorecer.

comments